quinta-feira, 28 de junho de 2012

Não comas carne, usa preservativo

A cidade de Los Angeles lançou uma campanha de uso de preservativo e a PETA, associação de protecção de animais, aproveitou a deixa.




O que é que uma associação de protecção de animais tem a ver com a campanha de utilização de preservativos promovida pelo município de Los Angeles? Já lá vamos.

Como forma de promover o sexo seguro e reduzir o número de casos de SIDA, o Departamento de Saúde Pública daquela cidade norte-americana lançou uma campanha e um concurso. Nós oferecemos um milhão e um preservativos e vocês criam a imagem da embalagem.

As dez melhores imagens da campanha L.A.’s Next Sex Symbol (cujo prazo de entrega termina no dia 17 de Junho para maiores de 18 anos) serão estampadas na embalagem dos preservativos que serão distribuídos gratuitamente até ao final do ano e que só não podem conter referências ao famoso símbolo Hollywood — o júri também estará atento a vulgaridades e outras obscenidades.

A campanha chegou rapidamente aos ouvidos daPETA (People for the Ethical Treatment of Animals), a maior associação defensora dos direitos dos animais do mundo, com mais de três milhões de membros e apoiantes, que arregaçou as mangas e apresentou o seu candidato.

Protege-te! Diz não à carne
O resultado é um pepino revestido com um preservativo e o slogan “Protege-te: torna-te vegetariana, L.A.” uma forma de a PETA matar dois coelhos de uma só cajadada. “O colesterol e as gorduras animais presentes na carne, ovos e outros produtos podem obstruir as artérias que chegam a todos os órgãos, não apenas ao coração”, explica o vice-presidente Tracy Reiman. Trata-se de um “facto”, assegura Reiman.

“Os homens que comem brócolos em vez de salsichas correm menos riscos de um dia terem cancro, diabetes e impotência”, problemas que, segundo a PETA, estão intimamente ligados ao consumo de colesterol, obesidade, diabetes e problemas relacionados com a próstata.

“Quem se torna vegetariano tem boas probabilidades de melhorar a performance sexual”, garante a PETA. “E é também uma óptima forma de ajudar os animais”.



FONTE: P3 - Público On-Line

Publicado por Boneca de Trapos

Sem comentários: